A VOZ DO LEITOR: Reclamações sobre falhas na gestão da iluminação pública

O estudante Francisco Segundo enviou nota ao blog “Bala de Ouro”, em que faz reclamações à administração municipal, devido às falhas na gestão da iluminação pública. Confira:

Amigos leitores e eleitores. A prefeitura de Ouro Branco tem alguns casos de incongruências e seu prefeito é a coisa mais obtusa de toda ela.

O prefeito, que foi eleito em 2008 com mais de 1300 votos de maioria e já demonstrou em outras ocasiões que não quer que seus outrora eleitores parem de pagar a famigerada taxa de contribuição para a iluminação pública, insiste em não querer consertar as iluminações das ruas, mas diariamente mantém luzes da prefeitura, que ele administrará até o final de dezembro, inexplicavelmente acesas.

Este prefeito chegou a chamar de “politicagem” um projeto de lei de iniciativa popular (que esse eleitor assinou com caneta nanquim) que desonerava a “taxa da inutilidade” como sendo, mas deve ignorar que alguém tenha notado que o candidato, seu compadre, que ele apóia desde 2010, teve de fazer uso de iluminação privada para seu pequenino evento eleitoral, por estarem apagadas as luzes das ruas.

O prefeito é um consumidor voraz de bens públicos, coisa que será apurada ao final de sua gestão, mas não dá a mínima ao que acontece na cidade em que administra, nem mesmo quando as falhas administrativas estão debaixo do seu nariz. A foto abaixo é da Av. Manoel Correia, que há meses está sem iluminação do poste.

Em alguns dias esse prefeito deve valer-se do horário eleitoral gratuito de seu candidato na rádio para aludir que fez alguma coisa pelas ruas da cidade escura. Até lá, eu exijo que ele já tenha mandado consertar a luminária de frente ao Hospital Municipal, que ele também diz estar tão bem cuidado. A foto abaixo é, por sinal, do poste de lá.

Ademais de tudo isso, não é a primeira vez que esse leitor tem notado movimentos intensos à noite pela prefeitura, pois em ocasiões até já ouvi barulho de máquinas de escrever sendo usadas e comumente o condicionador de ar está refrigerando as salas de documentos, sempre à noite. A desta vez, foi uma luz acesa que se não passou a noite toda consumindo energia, foi apagada pelo funcionário que saiu de lá tarde da noite. A foto abaixo é da janela da prefeitura, com luz ligada, ontem à noite.

Outras tenho com pessoas alheias à administração entrando e saindo do prédio da prefeitura, em horários totalmente fora do expediente. Fazendo o que de tão importante, não sei. Fico pensando se meus impostos estão pagando desnecessariamente por hora extra a algum funcionário que, com absoluta certeza, eu não permitiria se tivesse sido eu o eleito em 2008.

Deixo registrada então a denúncia dos maus usos de bens públicos dessa gestão, que por algum apadrinhamento estava planejada ser repassada para o próximo apoiado, mas duvido que vá, já que a Lei da Ficha Limpa barra candidatos Fichas-Sujas, que dizer de Chapa-Pura-Sujeira… Como eleitor e leitor quero que isso tudo mude e estou fazendo minha parte. Agradeço o espaço.

Este conteúdo foi postado na categoria A VOZ DO LEITOR. Link permanente.